terça-feira, 20 de março de 2018

Agora e para Sempre de Jenny Han

COMPRAR AQUI
«Agora e para Sempre» de Jenny Han, encerra a trilogia da história da doce e encantadora, Lara Jean, iniciada com o livro que será adaptado para o cinema, muito em breve, «A todos os rapazes que amei».

Nesta novidade da Topseller, conhecemos o «capítulo final» da história de Lara Jean. Tudo começou quando as cartas que escrevia para os rapazes que amou – cinco, no total – foram reveladas, deixando a descoberto os seus segredos mais profundos. Lara Jean escrevia para exorcizar os sentimentos, não eram cartas de amor, eram cartas de despedida, que lhe permitiam seguir em frente. No segundo livro, temos uma Lara Jean que se apaixona por Peter Kavinski, o seu namorado «a fingir» e neste último, dividida entre os preparativos para o casamento do pai, a chegada da Margot para as férias de verão e a decisão – que pode mudar toda a sua vida – de ir para a universidade, é confrontada com a razão, que lhe diz para seguir os seus sonhos, focando-se no seu futuro, e com o coração, que precisará aprender a lidar com um namoro à distancia com o rapaz mais desejado da secundária.

Com uma escrita ternurenta, divertida e muito acessível, a que a autora já nos habituou, somos sugados para o maravilhoso mundo – ou diria, conto de fadas – da Lara Jean, que apesar de toda a doçura na qual está envolta, é a personagem mais próxima da realidade que já encontrei em romances, por ser tão «ela», por não ser alguém cuja vida é pautada por grandes acontecimentos, a Lara Jean é apenas uma jovem comum e isso torna-a credível e faz dela tão especial.

Todos já vivemos dilemas semelhantes com os da protagonista, desde primeiros amores, conflitos familiares, perdas, distancias, escolhas difíceis no fim da vida escolar, que podem ditar a nossa vida para sempre… E é maravilhoso como nos conseguimos identificar tanto com a Lara Jean... Como nos revemos em determinadas atitudes da mesma…

A autora criou, sem dúvida, uma personagem feminina que perdurará na memória dos leitores. É fácil adorar esta jovem, tão dócil, tão tímida e tão divertida.

Para além destes pontos positivos, esta trilogia permite-nos estar em contacto com outras culturas, nomeadamente, a cultura oriental, o que é bastante interessante, sendo que nos dá a conhecer pormenores sobre comidas, locais de referencia, objetos característicos desta cultura, e nos dá a sensação, claramente, de que estamos a viajar, sem sairmos do lugar – que é o que procuramos sempre quando lemos, por norma.

Um romance YA que recomendo, uma história que fará as delicias dos eternos apaixonados!


Letícia Brito

Sem comentários:

Enviar um comentário