sexta-feira, 14 de julho de 2017

Uma mulher de sorte de Nora Roberts


Quando se fala em romances de cortar a respiração, há um nome que tem de estar sempre presente e esse nome é Nora Roberts, uma autora que publica tantos romances por ano e cujas vendas são sempre altíssimas, hum? 

Li recentemente «Uma mulher de sorte» sob o selo editorial da Harlequin e fiquei rendida - para variar, quando se trata de romance eheh - deixo-vos aqui com a sinopse para vos aguçar a curiosidade - Quando Darcy Wallace gastou os seus últimos três dólares no casino e ganhou um prémio de quase dois milhões de dólares, o director do casino, Robert Macgregor Blade, decidiu vigiá-la. No entanto havia qualquer coisa naquela mulher que se entranhou sob a pele de Mac, destruíndo as suas boas intenções. Se queria aquela mulher, teria de arriscar num dos jogos mais importantes da sua vida... 

A história começa de uma forma bastante simples e particular que nos dá imediatamente uma ideia do que se seguirá depois, é-nos apresentada uma personagem feminina ingénua e vulnerável, e por talvez a acção se desenrolar num casino inicialmente ficamos com a sensação de que talvez os restantes personagens não sejam tão bons quanto desejaríamos, e é isto que torna o romance tão cativante e nos faz torcer pela felicidade de Darcy, nos leva a ficar ternurentas para com ela e a desejar-lhe o melhor. 

Darcy arrisca o seu último centavo num casino para se tornar milionária e termina apaixonada por um MacGregor, como é que a sua vida seguirá daqui para a frente? 

Os desafios, o amor, as juras, o afastamento a dada altura da narrativa, o reencontro e o final da história tão surpreendente!

Vou guardar este livro no coração tal como guardo todos os que leio e tenho que referir o quão boa é a autora e a sua escrita.

Obrigada por mais esta leitura!

Um beijinho,

Letícia Brito

Sem comentários:

Enviar um comentário